terça-feira, 30 de junho de 2009

Hudson Speedster 1919 ...



Essa foto é totalmente inédita!

Veio da gaveta da família de João Pedro Gazineu, Petrópolis-RJ.

Nela, está Nardini Mattos (bisavô de João Gazineu) junto ao seu Hudson, transformado em "baratinha speedster" no fim dos anos 20 para participar das corridas automobilísticas da época!

A imagem é curiosíssima, vale a observação de cada detalhe.

segunda-feira, 29 de junho de 2009

Estação santista ...

Nessas fotos, o prédio que aparece à direita, é o prédio da antiga estação rodoviária da cidade de Santos-SP.

Acima, foto de 1956.
Uma F-100 e outros antigos trabalhadores.

Abaixo, foto de 1971. Os novos Vw substituem os obsoletos norte-americanos, como esse Ford 1951, enquanto os Fenemês trabalhavam.
E o prédio da Estação ultrapassa décadas, preservada como nunca esteve, para orgulho do bairrismo santista.
Essas fotos foram enviadas por Paulo Filomeno.guilhermedicin@hotmail.com

sábado, 27 de junho de 2009

Chevette 1975 ...

Essas fotos são de poucos minutos atrás.Nelas, um Chevette 1975.
Alguém saberá dizer o nome correto desse "azul metálico".
Essa cor é bastante rara, porque não me lembro de ter visto essa tonalidade em outro Chevettinho.Esse carro é de um tio meu, que o tirou zero quilômetro e, ainda o mantém com sua pintura de fábrica e muito conservado. Anda muito firminho, o motorzinho ronca forte!
Em 1975, meu Pai comprou um Chevette na cor "vinho" e o meu tio comprou esse azulzinho, chegaram à concessionária na mesma cegonha. O cor de vinho foi-se naquela mesma época, já esse, permanece praticamente avesso ao tempo.
guilhermedicin@hotmail.com

Graham Paige ianque ...

Depois da passagem desse Graham Paige carioca por esse blog, recebi essas fotos de um impecável Graham Paige ianque, exposto no ACD Museum.

O maravilhoso Museu Auburn-Cord & Duesenberg abriga também esse descendente da Cord e que hoje é também um órfão, como se denomina as marcas extintas.
Essas fotos foram feitas em 2005 pelo colecionador paulista Hervé Salmon, que é também o maior pesquisador da história dos Cord no Brasil.

sexta-feira, 26 de junho de 2009

Benz 1913 ...



-Aqui está um precioso veterano brasileiro, que possui um elevado pedigree, e no entanto, é muito desconhecido dos antigomobilistas.













-É um Benz 1913.




-Esse carro pertenceu ao Rui Barbosa, que o recebeu de presente de Joaquim Pereira Teixeira no ano de 1915!
-Com a morte de Rui Barbosa, em 1924, o Governo adquiriu sua propriedade, e em 1930 inaugurou-se o primeiro Museu-Casa do Brasil, homenageando-o.

-A Casa de Rui Barbosa fica na Rua São Clemente em Botafogo (cidade do Rio de Janeiro), que, no século XIX e primeiras décadas do século passado, era o bairro preferido pela aristocracia.

-A residência possui estilo neoclássico e situa-se no meio de um vasto jardim e desde então, é a morada desse raríssimo Benz 1913.


-O carro possui assento fixo para duas pessoas mais dois outros dobráveis, os passageiros falavam com o motorista através de um intercomunicador interno de metal e marfim. Freios só nas rodas traseiras, tanque de combustível para 65 litros de gasolina.
Quatro marchas para frente e uma à ré. Velocidade média 25 Km/h e máxima de 80 Km/h.
Faróis a carbureto.


-Essa foto é do dia 23 de Junho de 2009, portanto, muito recente. E foi enviada pelo Paulo Sallorenzo, fotógrafo profissional que promete um trabalho completo sobre a Casa Rui Barbosa em sua Revista Ilustrada (sallorenzo.com.br).

quinta-feira, 25 de junho de 2009

Gordinis & Interlagos ...

Essas fotos me foram enviadas pelo Rubens Leal Casses.

Na primeira foto, o Interlagos de um amigo e o seu Gordini em guaratiba, no Rio. Foto de 1972.
Na foto acima, Ele no Rio Grande do Sul, em 1968, aos 18 anos de idade após uma viagem de Gordini.
guilhermedicin@hotmail.com

Nostalgia ...

Bem, essas imagens não são antigas, mas incrivelmente, tudo parece ter parado no tempo!
A ausência de trânsito, as ruas bem calçadas de paralelepípedos, a arquitetura característica dos postos de gasolina nos anos cincoenta.
E, surpreendente!
Um Chevrolet 1952 no lavador do posto!
Essas fotos pertencem ao Rogério Machado e são da cidade mineira de Conquista.
Só faltou as Bomba cadillac .
É fantástico esse cenário.
guilhermedicin@hotmail.com

terça-feira, 23 de junho de 2009

GTX Le Mans ...

Aqui, uma foto de meu acervo particular: um "Esplanada" GTX 1969 clicado por meu Pai em 1984 na Jardineira Veículos, loja pioneira -especializada na comercialização de veículos antigos- que ficava na Av. dos Bandeirantes, número 1.001.

Essa GTX estava em estado de zero quilômetro, por onde andará?
Quem conta mais?
PS: Azul LeMans é o nome da cor do GTX.

segunda-feira, 22 de junho de 2009

Sacanagem ...



Hoje eu resolvi colocar uma foto de sacanagem.

Vejam só: um VW insolente acertou o paralama de um Cadillac Eldorado 1954! É a mais pura sacanagem.

Essa foto foi enviada pelo Antonio Apuzzo da "automodelli".

guilhermedicin@hotmail.com

domingo, 21 de junho de 2009

Cadillac in Rio ...

Mais um conversível na capital nacional dos cadiláques e conversíveis!
É um Cadillac 1941 Series 62.
Sequência de cenas do filme "Notorious", rodado em 1946. Filme de Alfred Hitchcock.

sábado, 20 de junho de 2009

Londrina anos 70 ...


Londrina-PR.
Corcel, Fusca, Karmann-Ghia, LTD, Gálaxie... Tudo bem colorido.

sexta-feira, 19 de junho de 2009

Paisagem do Anhangabaú ...

Paisagem paulistana.

Foto de 1961.


Aero Willys, Chevrolet 1938, Chevrolet Amazonas, Jeep, Buick, Mércury 48, Kombi, Chevrolet 1952, duas Rural e um Hudson. Bonito, não?


Fotografia de Milan.


guilhermedicin@hotmail.com

quinta-feira, 18 de junho de 2009

Vw Brasília 1980 ...

Aos amantes da Volkswagen, aqui está uma Brasília 1980, de único dono, e com apenas 33 mil quilômetros!

muito nova.
Foto de hoje a tarde.
Qual o nome dessa cor?
Cinza Granizo.
guilhermedicin@hotmail.com

quarta-feira, 17 de junho de 2009

Saurer Alpino ...


Há uma semana fiz um post sobre um Saurer 1911 que viveu no Brasil, e no dia seguinte, o vimos respirando novos ares , de volta ao seu país de origem, Suíça.

A partir dessas postagens, recebi um valioso e-mail de Henrique Meili, que mora na Suíça, e busca resgatar a história de seu Avô, que veio ao Brasil em 1911 e trabalhou em uma "concessionária" Saurer no Rio de Janeiro até 1919.

Contou-me o Henrique que, a partir dessa data seu Avô foi para a cidade de Santa Leopoldina/ES -cidade com forte imigração suíça- prestar assistência aos caminhões Saurer que trabalhavam nas lavouras de café.
Essa história, interessantíssima, será melhor contada em outra ocasião, já que o Henrique possui fotos de seu Avô.

Com essa informação, visitei o site da cidade de Santa Leopoldina/ES e encontrei no texto sobre sua História, esse trecho que muito nos interessa e reproduzo aqui:

"Em 1919, Santa Leopoldina viu roncar em suas serras os primeiros caminhões da época, Saurer e Mullang, tão logo foi inaugurada a rodovia Bernardino Monteiro que liga Santa Leopoldina à Santa Teresa. Um desses caminhões foi adaptado para o transporte de passageiros. Foi o primeiro ônibus da região e como tinha de subir muito, serra acima, deram-lhe o apelido de 'Alpino'."

Essa foto também estava no site da Cidade.

Muito interessante, não acham?
guilhermedicin@hotmail.com

terça-feira, 16 de junho de 2009

Guanabara ...



Atenção: motorista de VW em teste.


segunda-feira, 15 de junho de 2009

Trânsito em 1974 ...





A foto é de 1974, em Teresópolis-RJ.




Maverick GT, Corcel, Fusca, Opala, Kombi e Karmann-Ghia.


domingo, 14 de junho de 2009

Buick conversível do Tio Betão ...

Está aqui mais uma daquelas fotos que nos fazem sonhar!


Um maravilhoso Buick conversível, 1948, zero quilômetro desfilando todo o seu charme no então Distrito Federal -o romântico Rio de Janeiro- impulsionado por seu motor de oito cilindros em linha.


O sol tropical se reflete na pintura e brilha nos cromados.

Estas fotos são um estado de espírito.


O invejado proprietário é Roberto Rocha Souza, que gostava muito de carros e teve vários. Viveu até os noventa anos de idade.


Essas belíssimas fotos do Buick do "Tio Betão" me foram gentilmente enviadas por Roberto Rocha Souza Sobrinho, que mantém o blog www.fotolog.com.br/rock_rj/37296783.
Roberto, fica aqui a minha gratidão pela divulgação dessas fotos com o Buick e o seu "Tio Betão".
Vejam mais em Carros do Rio ...

sábado, 13 de junho de 2009

Carros na rua ...


Vejam só que foto interessante!
Um monte de carros que hoje são raros, flagrados em uma cena quotidiana dos anos cincoenta.
O pequenino europeu, acredito que seja um Hillman Minx; à sua frente, um Nash Ambassador 1951. No canto, à direira, o mais intrigante: um Jaguar!
E a turma é bastante animada.

sexta-feira, 12 de junho de 2009

Graham Paige Hollywood in Rio de Janeiro ...


Está aqui uma das fotos mais surpreendentes que já vi.
Jamais me ocorreu encontrar uma fotografia de época de um carro tão raro como esse Graham Paige Hollywood 1940.
E agora, vê-lo assim: encostadinho a uma calçada do Rio de Janeiro de 1940!

A Graham Paige utilizou carrocerias muito parecidas com as da Cord, a história aparece com facilidade no google.
Existem poucos Graham sobreviventes no Brasil (dois ou três), nenhum deles restaurado.
Certamente as fotos o mostram recém adquirido, praticamente zero quilômetro.

Que fim terá levado esse distinto automóvel?
As fotos foram gentilmente enviadas pelo Rouen, que mantém o blog "Arqueologia do Rio de Janeiro" (fotolog.terra.com.br/bfg1:920).
guilhermedicin@hotmail.com

quarta-feira, 10 de junho de 2009

Aero zero ...


-Essa foto é de Maio de 1966.
-Nela, está Abílio Weiand, pilotando um Aero Willys zero quilômetro antes do "2º Quilômetro de Arrancada".
-Os irmãos Weiand eram representantes da Willys Overland do Brasil na cidade de Lajeado-RS.
-Reparem na mensagem escrita no paralama: "Diabo que as carregue lá... (em casa)". Esse tipo de apelo promocional é inédito para mim!
É uma bela foto.
guilhermedicin@hotmail.com

terça-feira, 9 de junho de 2009

Saurer 1911 - Novos ares ...

No post anterior, nós vimos esse caminhão Saurer 1911 no início dos anos setenta.Aqui está ele em fotos de 22 de Julho de 2007.No post anterior, ele estava em um ferro-velho à margem da via Dutra.Aqui está ele, respirando ares suíços!
Isso mesmo: esse caminhãozinho suíço veio para o Brasil quando novo, trabalhou anônimamente por décadas, fez sua estadia em um ferro-velho, foi resgatado por um colecionador brasileiro, e hoje, está repatriado. "Saurer von 1911 aus Brasilien".
Pelo o que eu entendi, esse caminhão agora faz parte do acervo do museu da Saurer, e ele é ÚNICO NO MUNDO.
Esse caminhão quando chegou, foi recebido com flores e bandinha de música para sair do container.
Certamente, os novos donos gostariam de ver as fotos dessa preciosidade tiradas pelo Paulo Sallorenzo enquanto estava no ferro-velho fluminense.

Saurer 1911 ...

Está aqui um achado!
Fotos inéditas e de grande relevância histórica.
Elas são de um caminhão suíço, o Saurer 1911.

Essas fotos foram feitas pelo fotógrafo Paulo Sallorenzo (sallorenzo.com.br) no início dos anos setenta, em um ferro-velho as margens da via Dutra, na cidade de Nova Iguaçú-RJ.

Diz o Paulo, que depois teve a notícia de que esse caminhão foi adquirido por um colecionador de Vassouras-RJ.-

Fotos dessa obra de arte, flagrada em um ferro-velho, na época em que tantas outras preciosidades eram exterminadas, sem dúvida alguma contam muito de nossa identidade antigomobilista.

Paulo, obrigado pelo envio das fotos e pelo registro histórico.

guilhermedicin@hotmail.com

domingo, 7 de junho de 2009

Del Rey Ouro 1984 ...

Amigos, aqui uma foto da gaveta do autor desse blog.
Essa foto é de 1994, e sou eu o garoto junto ao Del Rey Ouro 1984.
Ao fundo, aparece a Brasília 1978 azul colonial do meu Avô, essa Brasília ainda existe.
Essa foto possui uma historinha, que agora, ficou até interessante: desde sempre, gosto muito dos Del Rey, meu Pai teve um até 1993. Esse Azul, foi comprado por um Tio após a venda do nosso Del Rey preto, mas ficou pouco tempo com ele. Dessa forma, houve uma rápida identificação minha com esse Del Rey da foto.
Esse Tio morava em Santos e vinha à Brazópolis apenas nas férias e feriados... Nessas ocasiões, era o meu escolhido para brincar de dirigir, e estava sempre sob minha vigilância para eu pegar uma corona.
O mais curioso de tudo é que essa foto que exibo agora, só existe por muita insistência minha!
Como eu gostava do carro, eu pedi pra que tirassem uma foto dele pra mim.
Como vontade de criança nem sempre é atendida, tive que pentelhar muito para que essa foto saísse. Afinal, era gastar uma "pose" do filme fotofráfico à toa...
Por isso acho que esse blog começou já há muito tempo...

sábado, 6 de junho de 2009

Kombi na Serra da Mantiqueira ...


"Amantikir" é a "montanha que chora", e percorre a divisa dos estados de São Paulo, Minas Gerais e Rio de Janeiro.
É ela quem aparece ao fundo dessa kombinha, em foto dos anos setenta.

Oficina nos anos 30 ...

Aqui uma valiosa dupla de fotos.
Elas mostram o ambiente de uma oficina mecânica nos anos 30.
Essas fotos de grande valor histórico foram enviadas por Alfredo Prandato Jr, já colaborador desse nosso blog.

Abaixo, as observações feitas pelo Prandato a respeito dessas fotos:
"-GARAGE GRANHANO:As duas fotos são do meu pai, Alfredo Prandato, tiradas no dia 25 de Abril de 1933 na "Garage Granhano" na capital de S.P.
Na época ele ainda era solteiro, tinha 21 anos.Ele é o que está sempre em segundo da esquerda para a direita nas duas fotos.Era o tempo em que os mecânicos faziam de tudo, motor, câmbio, etc... Hoje os mecânicos com a introdução da eletrônica nos carros, são "especialistas", uns só cuidam da injeção eletrônica, outros do câmbio, suspensão e assim por diante.Posteriormente, entre 1940 e 1945, com a segunda guerra mundial, o Brasil que só tinha carros importados, não tinha peças para a manutenção dos veículos, então era necessário improvisar, usando peças de outros veículos e em último caso fazer as peças de modo artesanal. Essa improvisação na manutenção dos carros durante a II Guerra foi o que deu início à nossa indústria de auto peças, o que, de certo modo, facilitou a implantação de nossa indústria automobilística nos anos 50."

Prandato Jr., muito obrigado pelas fotos!
Elas são muito valiosas para a nossa cultura.
Mais sobre o Prandato e automóveis? Aqui: Aventura em Interlagos... & Praia Grande...
guilhermedicin@hotmail.com

quarta-feira, 3 de junho de 2009

Cord 812 Supercharged 1937 ...

Aqui ao lado está um Cord 812 Supercharged Cabriolet 1937.


A matéria em que ele aparece aborda os "...carros mais valiosos" do Brasil.


Diz a matéria que, à época, esse carro pertencia ao colecionador "Pardal" que o comprara 12 anos antes (portanto, 1970) pela quantia de 12.000 dinheiros (Cr$) no Rio de Janeiro -RJ.

A matéria comentava algumas curiosidades sobre os Cord, mas, o mais interessante é que dizia que esse exemplar havia pertencido à Carmen Miranda, que o utilizava quando vinha ao Rio.

Mas o "X" da questão é: cadê esse carro vinte e sete anos depois?

Outro rastro é que, ele esteve presente em um evento no Ibirapuera também no início dos anos oitenta e faz-se uma referência à esse carro na extinta Revista Autos Antigos, também no início da década de oitenta.


Alguém sabe alguma coisa, informações ou fotos?

Foto: Revista Quatro Rodas, Julho de 1982.